Agenda de lançamentos eletrônicos (e-books)

O desenvolvedor de Produtos Alternativos (e-books) da White Wolf, Eddy Webb, divulgou há dois dias uma (curta) agenda dos próximos lançamentos na área dele, com direito a um update quase instantâneo no mesmo dia.

Eis os detalhes:

JANEIRO 2010
Splinters of the Wyld (material extra para Exalted)

FEVEREIRO 2010
Paterfamilias (SAS para Requiem for Rome); Thousand Correct Actions (Exalted); Debris From the Fallen Races (material extra para Exalted)

MARÇO 2010
The Hungry Streets (SAS para Vampiro: o Réquiem)

Para quem ainda se lembra da última agenda, Paterfamilias foi adiado em um mês. Eddy explica:

Como observação, Paterfamilias foi adiado para fevereiro. Isso aconteceu em parte porque aceleramos o lançamento de Scroll of the Exalts para o final de janeiro, para que coincidisse com o lançamento adiantado do livro físico, e em parte porque queríamos aliviar o tráfego nos servidores da DriveThruRPG enquanto eles finalizam a promoção de apoio ao Haiti.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Agenda de lançamentos eletrônicos (e-books)

  1. Maru disse:

    A impressão que dá é que os livros fisicos estão morrendo aos poucos…Sem anuncios de grandes suplementos ou outros títulos mais alternativos, como: Promethean…bem, não consigo ver isso como bom sinal.

    Acho que a devir vai ter que voltar a produzir o velho WoD, porque a demanda ainda existe.

  2. Fabio Sooner disse:

    Hmmm. Vários poréns:

    • Há pelo menos um suplemento físico de impacto a ser lançado em cada uma das 3 linhas principais: Danse Macabre (Vampiro), Signs of the Moon (Lobisomem), Mage Chronicler’s Guide (Mago).
    • Na verdade nunca houve programação de lançar mais coisas para nenhuma das linhas limitadas – esse é o conceito de “linha limitada”, afinal: X suplementos programados e acabou. Só Changeling ganhou livros físicos extras por conta da grande vendagem. Promethean e Hunter já não recebiam mais suplementos físicos (só eletrônicos) desde muito antes da atual “seca” de suplementos – exatamente como programado.
    • A Devir nunca parou totalmente de produzir o antigo WoD; a intenção declarada, pelo menos, era lançar os outros livros/romances de clã, além dos livros do Time of Judgment. Eles têm uma estimativa de que mais ou menos metade da base de fãs ainda adota o antigo (a porcentagem “pró-nWoD” é maior no Sul e Sudeste, enquanto nas outras regiões ainda tem gente que nem sabe que há um novo Mundo das Trevas).
    • A “seca” atual não interfere em nada nos planos da Devir agora, porque muita, MUITA coisa não foi lançada. O material ainda não traduzido é mais do que suficiente para garantir anos e anos de lançamentos em português.

Os comentários estão desativados.